Céu

domingo, 2 de dezembro de 2007

Eu estava aqui, toda ocupada... O telefone toca... era meu filho:
- Mãe, eu estou com um problema, a professora passou um dever e eu estou sem saber responder.

Perguntei o que era, ele então falou:
- Qual o sinônimo de céu?

Eu respondi:
- Filho, que pergunta mais difícil!

Pensei: essa professora está exagerando - uma pergunta dessas para uma criança da primeira série! Nem eu, naquele exato momento, recordava o sinônimo de céu... Falei na frente dos outros colegas de trabalho, que me olharam assustados e curiosos - vocês imaginam... mas, mãe que é mãe vai atrás de uma resposta.

Fui olhar o dicionário. Naquele instante percebi o quanto o dicionário é falho, pois lá encontrei
várias coisas, nenhuma delas era sinônimo de céu:
A primeira:
- Espaço ilimitado e indefinido onde se movem os astros.
Pensei: - isso não é sinônimo.
Sinônimo é uma palavra, ou, no máximo, duas ou três.
Corri os olhos, li mais outras frases que não tinham nada a ver.
Olhei outros verbetes:
- Atmosfera, firmamento.

Falei firmamento. Para dar logo uma resposta (e quem sabe, ele ganhar pontos no dever).

Mas, tive uma vontade louca de dizer:
- Céu, meu filho, são seus olhos, seu sorriso, seu andar...
É você no telefone, me perguntando o dever.
- Céu, meu filho, é te ver com saúde!
É te ver feliz!
É saber que você me ama, é poder te amar!

Cláudya Lessa

0 comentários: